49 . 3444 0492
49 . 98502 7012

INFORMATIVOS



MARCA - ELNA


02/10/2020 - HISTÓRIA DAS MARCAS

História Máquinas de Costura ELNA.

Elna é uma marca suíça ex-fabricante de máquinas têxteis, incluindo prensas de tecido e máquinas de costura, overlock e coverstitch. As máquinas de costura Elna estão incluídas nas coleções do Museu do Design, Zurique, Museu Tekniska, Museu de Arte da Filadélfia e Museu de Arte Moderna.

A empresa começou como Ateliers Mécaniques de Précision Tavaro SA, fundada como uma divisão de exportação da Tavannes Watch Company. A empresa era conhecida por fabricar relógio de detonadores para guerra. Tavaro já foi responsável por 11% das vendas militares suíças para a Alemanha nazista.

Quando o governo federal suíço restringiu, e depois proibiu, as exportações de material de guerra, Tavaro mudou para a indústria pacífica.

A primeira máquina de costura de Tavaro não tinha nome oficial – apenas um número de modelo (500890) - mas era consistentemente mencionada na literatura de vendas simplesmente como Elna. A criação do Dr. Ramon Casas Robert, um engenheiro espanhol, um protótipo funcional foi supostamente concluído já em 1934, mas o desenvolvimento foi interrompido pela Guerra Civil Espanhola, e Casas foi forçado a emigrar para Suíça. Morando em um quarto de hotel em Genebra, sem capital ou equipamento, Casas vendeu suas patentes para Tavaro por meio de uma holding, as primeiras máquinas Elnas deixaram a fábrica em 1940. Com a maior parte da economia manufatureira da Europa ainda devastada, a posição de mercado de Elna era muito favorável à medida que a demanda por máquinas de costura aumentava no pós-guerra.

Elna foi um distanciamento radical de seus concorrentes, e seu sucesso mudou permanentemente o mercado de máquinas de costura doméstica, introduzindo recursos hoje considerados padrão. Sua inovação mais significativa é o braço livre, característica antes encontrada apenas em máquinas de costura industriais. Um braço livre aloja o alimentador da máquina e a chave de bobina em uma base tubular em formato de braço, permitindo que o material seja enrolado ao redor do mecanismo durante a costura, em vez de simplesmente repousar sobre ele.

Casas também reconheceu que “quando uma mulher termina de costurar, ela quer tirar a máquina do caminho”, portanto Elna foi projetada para ser portátil e facilmente armazenada. Pesava menos de 7 kg graças em grande parte a um corpo feito de alumínio moldado em vez de ferro fundido pesado . Embora as máquinas de costura fossem tradicionalmente revestidas de preto com decalques dourados, o acabamento de Elna era em um verde fosco distinto, dando origem ao apelido popular da máquina, Gafanhoto. Seu estojo de transporte até funciona como uma mesa de extensão, outro recurso amplamente imitado que se tornaria uma marca registrada da Elna.

Essa máquina Elna foi vendida por US $ 179 quando foi introduzida nos Estados Unidos. Foi descontinuado a partir de 1952 com o lançamento do Supermatic.

A chamada Supermatic, foi a primeira máquina de costura doméstica do mundo com alimentação reversa automática. Seu leitor de came, apelidado de Elnagraph, operava com cames de dois lados intercambiáveis ​​com uma contraporca bifurcada.

Referências:
https://en.wikipedia.org/wiki/Elna_(Swiss_company)

https://www.coopermiti.com.br/museu/?MuseuId=1424&CategoriaId=16#:~:text=Elna%20%C3%A9%20uma%20empresa%20su%C3%AD%C3%A7a%20que%20produzia%20m%C3%A1quinas%20de%20costura.&text=As%20m%C3%A1quinas%20de%20costura%20Elna,formando%20uma%20mesa%20de%20costura).

http://www.elna.com.br/main.htm

Fonte: Elna / Museu Técnologo







TOPO